| 1 comentários ]

Talvez tenhamos que mudar a forma de falarmos isso. Ao invés de falar: buscar a glória de Deus, devemos passar a falar: "buscar a glória para Deus". Ou, ao invés de dizermos:"eu quero a tua glória, Deus", devamos começar a dizer: "eu quero ver o Senhor ser glorificado, ó Deus".

Confira a entrevista completa.

Pastor Antônio Cirilo fala sobre a gravação de CD na Lagoinha
Por Elisandra Amâncio

O "Encontro de Avivamento" é um culto ministrado mensalmente na Igreja Batista da Lagoinha pelo Pastor Antônio Cirilo, da Igreja Batista de Contagem. A partir desse mês a reunião vai ser realizada na primeira sexta-feira de cada mês. Em um momento mais que especial o Ministério Santa Geração grava o CD “Vem Dançar Comigo” na Lagoinha para registrar os preciosos momentos vividos nessas reuniões. Acompanhe entrevista exclusiva com o Pastor Antônio Cirilo e receba palavras edificantes do Senhor.

Lagoinha.com: Pastor Cirilo, conhecemos um pouco sobre sua trajetória do município de Rio Vermelho até sua vinda para Belo Horizonte. Fale para nós há quanto tempo está em Belo Horizonte/Contagem. Já era crente quando se mudou para cá?
Pastor Antônio Cirilo: Quando nos mudamos para BH eu estava com 12 para 13 anos. Nasci na zona rural do município de Rio Vermelho - nasci em casa mesmo. Somente meus dois últimos irmãos nasceram em uma maternidade. Sou de uma família de oito irmãos vivos - quatro irmãos e quatro irmãs: José Luiz, João Arlindo, Maria da Glória, eu, Maria da Conçeição, Maria da Pascoa (nome da vovó), Florisvaldo e Marciene respectivamente. Meus pais são o Sr.Bernardo, agora também meu filho na fé aos 74 anos e a minha mãe, a D. Ana. Minha vida no interior foi como a de muitos meninos e meninas da zona rural ainda hoje. Trabalhávamos na roça, agricultura familiar, era uma vida boa. Tive uma infância maravilhosa. Apesar da condição precária em que vivíamos não sofríamos humilhação. Meu avô, Paulino Ferreira, construiu em suas posses e com suas posses um grupo escolar e uma igreja católica, a prefeitura da cidade enviava as professoras da cidade para lecionar para nossa família. Estudamos ali até a quarta série. Para cursarmos a quinta série teríamos que ir a cidade. Íamos a pé - nove quilômetros para ir e nove para voltar. Fizemos durante um ano inteiro até que a mamãe decidiu que´deveríamos nos mudar para a cidade e assim fizemos. Em seguida meu pai veio para capital, em seguida veio também o meu irmão mais velho. Meu pai viveu um tempo muito difícil nessa época. O meu irmão mais velho, o José Luiz (grande irmão), ele é quem nos mandava dinheiro... ele foi instrumento de Deus para nos sustentar. Em seguida nos mudamos também para cá e cá estamos até hoje. Aqui começei a trabalhar, me converti ao Senhor Jesus, me casei com a Dalila (grande garota: ela acreditou em mim), e aqui estou criando os meus filhos: Asafe, Vitória e Davi.

Lagoinha.com: Como é sua convivência familiar? Está casado há quanto tempo? Fale também sobre seus três filhos.
Pastor Cirilo: Eu sou casado a 17 bons anos (ser casado é mais do que estar casado), graças a Deus. Deus nos deu três maravilhosos filhos: Asafe,Vitória e Davi. Nossa convivência é bem atípica - é muita correria. Eu viajo muito, por isso temos que seguir uma certa disciplina. Quando retorno das viagens eu saio com os dois adolescentes, em separado, depois saio com o Davizinho e a mamãe, depois saimos todos juntos. Enquanto viajo, a supermãe cuida de tudo e todos e ainda me monitora a distância. Meus filhos são uma bêncão. O Asafe gosta de ler. Ele lê livros enormes - acredito que será um grande mestre da Bíblia e um grande escritor também. A Vic já é totalmente ligada a área da música. Já está tocando violão muito bem e está aprendendo a tocar o piano. Ela é muito voltada para a adoração - para as coisas de Deus. O Davi gosta de cantar, é muito inteligente e esperto. Acredito que todos serão grandemente usados por Deus. Minha esposa é uma mix do que eles são, ou melhor, eles são partes de nós. Na verdade, foi ela quem ensinou a Vic a tocar o violão. É uma mulher maravilhosa, bonita por dentro e por fora, bonita em todo o tempo e o tempo todo. Eu a amo de todo o meu coração. Um dia ainda vou publicar uma poesia dedicada a ela, poesia que escrevi para ela antes de nos casarmos. A poesia é tão linda que até hoje ela duvida que foi eu mesmo que a tenha escrito. Mas, foi eu mesmo que escrevi, porém, estava tão maravilhado por ela que o meu amor se materializou em palavras - virou poesia.

Lagoinha.com: O Ministério Santa Geração (MSG) existe há quanto tempo? Quantos músicos fazem parte do grupo?
Pastor Cirilo: O MSG foi fundado oficialmente em 2000 (há oito anos). Pessoas maravilhosas já passaram por aqui e que muito nos abençoou. Atualmente,incluindo a "equipe de terra", somos 12 pessoas. Quanto aos músicos, nós temos aquilo que chamamos de "núcleo da equipe". O núcleo é formado por quatro músicos: eu, Carlinhos, Anderson e Dassayeve. Entretanto, dependendo do tipo de projeto que desenvolvemos convidamos outros músicos. Nossa música, bem como a ministração em si é muito simples, dispensa grandes aparatos.

Lagoinha.com: Nesta semana será a gravação do novo CD do Ministério Santa Geração “Vem dançar comigo”, na Igreja Batista da Lagoinha. Depois de 16 CD´s gravados, dois DVD´s e três DualDisc a experiência e a dependência no Senhor ajuda na hora de gravar um novo trabalho?
Pastor Cirilo: O "frio na barriga" é o mesmo. Estamos nos consagrando, orando, jejuando para que mais uma vez Deus possa nos surpreender com a presença dEle, que é o que faz a diferença.

Lagoinha.com: Falando um pouco desse novo álbum, como foi o processo de seleção das canções? Todas elas são de sua autoria?
Pastor Cirilo: Sim, todas são de minha autoria. Vamos regravar umas duas canções e as demais são canções novas. A seleção é feita baseada na mensagem que o Senhor está nos direcionando para passar para a igreja. "Vem dançar comigo" fala a respeito desse relacionamento de amor pessoal e indelegável que cada crente deve ter com o o Senhor Jesus.

Lagoinha.com: Qual o motivo do título do novo CD “Vem dançar comigo”? Ele tem um estilo musical específico (pop, adoração, etc)?
Pastor Cirilo: O título é um clamor... Quanto ao estilo, é louvor e adoração mesmo.

Lagoinha.com: Como é produzir um CD sem se importar se as canções dele são ou não comerciais? Explique um pouco sobre essa diferença.
Pastor Cirilo: Quando preparo um disco penso em cada pessoa, individualmente, não em uma massa de gente. Faço um disco que provocará uma mudança naquele indivíduo que terá contato com ele. Músicas comerciais tem entre três a cinco minutos. Esse tempo não dá para ministrar nada a ninguém - só dá para informar. Somos chamados para fazer mais do que informar - somos chamados para formar, imprimir a palavra de Deus nas pessoas. Isso requer tempo, repetição e paciência de quem ouve, mas, temos certeza do bom resultado. O testemunho que ouvimos das pessoas que sentiram a presença de Deus através das canções é compensador.

Lagoinha.com: Qual o objetivo do CD “Vem dançar comigo”? Ele representa algo específico aos integrantes do Ministério Santa Geração? E para a Igreja?
Pastor Cirilo: Para nós, do ministério é mais um desafio que vamos encarar... queremos ver a manifestação da glória de Deus... para igreja esperamos que seja mais um utensílio na casa de Deus usado para adoração e edificação.

Lagoinha.com: O DVD não será gravado no mesmo dia, existe um projeto paralelo para gravar um DVD posteriormente?
Pastor Cirilo: O culto será gravado pela equipe de video da IBL como um culto normal, pois, será exatamente isso: um culto normal da igreja.

Lagoinha.com: Esse trabalho que será gravado na sexta-feira, 7 de novembro, tem data prevista para lançamento?
Pastor Cirilo: Primeiro vamos analisar com cuidado o material, se tudo estiver ok, vamos preparar para liberá-lo no primeiro semestre de 2009.

Lagoinha.com: Pastor Cirilo, o “Encontro de Avivamento” é realizado mensalmente na Igreja Batista da Lagoinha, agora, sempre na primeira sexta-feira de cada mês. Fale para nós sobre esse ambiente, e também, o motivo da escolha do local da gravação?
Pastor Cirilo: Lagoinha tem uma história muito bonita em Belo Horizonte. No passado, o avivamento, a "renovação", como ficou conhecido, foi palco de um grande mover do Espírito de Deus. Quando propomos essa reunião mensal, foi exatamente para resgatar aquele mover de milagres, sinais e maravilhas dos anos passados. Deus é fiél, os milagres estão acontecendo a cada reunião. A escolha do local é porque nossa gravação é uma coisa muito simples,gravamos o culto, o que acontece ali, tão somente. Não tem encenação, não tem entreterimento. Então, como já íamos celebrar o culto ao Senhor neste dia e local, decidimos registrar isto para abençoar ainda mais.

Lagoinha.com: Como Pastor e líder de um ministério mundialmente conhecido, qual sua visão sobre a atual situação da Igreja no Brasil e no mundo? É possível dizer que esta geração está vivendo o avivamento?
Pastor Cirilo: Ainda não. Estamos vivendo um despertamento, a igreja está acordando. O avivamento ainda está por vir. Digo que há alguns anos atrás nós quase entramos em um avivamento. Mas, infelizmente, a coisa caminhou para outro lado. Muita gente surgiu com o desejo de ser vista, com desejo de ter o controle da igreja... alguns buscando glória pessoal, títulos, etc. E por isso o "Manto" foi recolhido por um pouco de tempo, mas, o Senhor o desenrolará novamente.
Avivamento é fruto de arrependimento e consequência de uma fé inabalável. O Senhor Jesus foi claro ao dizer: "Como podeis crer, vós os que aceitais glória uns dos outros e, contudo, não procurais a glória que vem do Deus único?." (João 5.44). Em Isaías 42.8 o Senhor disse: "Eu sou o Senhor, este é o meu nome; a minha glória, pois, não darei a outrem..." Que glória é essa? A Glória na igreja. Veja o próximo texto:" Ora, aquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós, a ele seja a glória na igreja em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo o sempre. Amém!" (Efésios 3.20,21). Ou seja, a glória que buscamos é a glória de Deus. Talvez tenhamos que mudar a forma de falarmos isso. Ao invés de falar: buscar a glória de Deus, devemos passar a falar: "buscar a glória para Deus". Ou, ao invés de dizermos:"eu quero a tua glória, Deus", devamos começar a dizer: "eu quero ver o Senhor ser glorificado, ó Deus". Em João 7.39, a Bíblia diz que o Espírito Santo até aquele momento não fora dado porque Jesus não havia sido ainda glorificado. Então, creio que o verdadeiro avivamento acontecerá, mas, a igreja da nossa geração, tanto no Brasil como no mundo está vivendo este momento de despertamento e amadurecimento.

Lagoinha.com: Temos visto nos últimos dias que ministérios cristãos estão encontrando espaço na mídia secular, e até mesmo, em eventos seculares. Para vocês do Ministério Santa Geração o que é estar em lugares onde a Igreja muitas vezes não está e falar do amor de Jesus?
Pastor Cirilo: Na verdade a igreja está, pois nós somos a igreja. A igreja não é simplesmente uma organização, e sim um organismo vivo, cheio da vida de Deus. Onde há dois ou três irmãos, unidos através do poder do nome de Jesus, Jesus está ali - isso é a igreja. É muito bom ver os palcos se transformarem em púlpitos para a pregação do evangelho. O que não pode acontecer é os púlpitos das igrejas se transformarem em palco para shows...

Lagoinha.com: Como pessoa, missionário, ministro de louvor tem algum sonho especial?
Pastor Cirilo: Claro que sim. Meu sonho é influenciar o maior número possível de pessoas na minha geração a viverem na presença do Senhor.

Lagoinha.com: Pastor Cirilo, deixe uma mensagem aos nossos internautas,inclusive para aqueles que estão em outros lugares do Brasil e do mundo, e que vão aguardar o lançamento desse novo trabalho.
Pastor Antônio Cirilo: Meu conselho é: não espere por esse trabalho, não esperem por nada ou alguém: decidam agora mesmo viver uma vida com Deus que seja um desafio para você e uma inspiração para os outros.

Fonte: Lagoinha.com

1 comentários

Kennedy Lucas disse... @ 10 de novembro de 2008 14:54

Concordo plenamente:
"Talvez tenhamos que mudar a forma de falarmos isso. Ao invés de falar: 'buscar a glória de Deus', devemos passar a falar: 'buscar a glória para Deus'. Ou, ao invés de dizermos: 'eu quero a tua glória, Deus', devamos começar a dizer: 'eu quero ver o Senhor ser glorificado, ó Deus'."

Postar um comentário