| 1 comentários ]

Não, não é nada disso que você está pensando! Estamos falando que antes da Leão de Judá Cola, já existia um refrigerante de nome peculiarmente bíblico: o Guaraná Jesus, desconhecido de muitos, mas tão popular ou até mais do que a Coca-Cola e Guaraná Antártica dentro do estado do Maranhão.

Saiba mais e experimente o sabor que o Maranhão conhece desde 1920.


Guaraná Jesus é um refrigerante cor rosa com sabor adocicado, lembrando vagamente cravo e canela, devido a estes serem dois de seus, segundo a lenda, 17 ingredientes e é muito popular na cidade de São Luís do Maranhão.

O Guaraná Jesus foi criado em 1920 pelo farmacêutico Jesus Norberto Gomes, em São Luís, Maranhão e apesar de seu sugestivo nome, era ateu. O refrigerante foi criado acidentalmente quando Jesus tentou sintetizar o remédio que estava em voga no momento com uma máquina de gaseificação importada.

Os ingredientes são, até onde sabe-se, naturais. São extratos de guaraná, que contém cafeína, teofilina e teobromina, coletados em uma viagem que Jesus fez para a Amazônia.

Por causa da popularidade na região, a Coca-Cola comprou a marca e seguiu a comercializá-la somente no estado do Maranhão, único lugar onde o guaraná é produzido.

O guaraná Jesus como slogans oficiais "O Sonho Cor-de-Rosa" e "Abençoe sua sede!".

Texto adaptado da fonte: Wikipédia

Enquanto a distribuição de Jesus continua restrita aos limites do Maranhão, os paulistanos podem matar a curiosidade experimentando o produto no restaurante Raízes do Maranhão, na Av. Voluntários da Pátria, 4.861, Santana, de terça a domingo, a partir das 18h.

Amenidades da Cristandade

1 comentários

Daniel Negrisoli Batista disse... @ 5 de novembro de 2008 09:16

E agora??
Com qual ficamos???
Leao de Juda Cola?? Ou Jesus???
Xiii..
Ainda bem que os dois sao o mesmo.
Já ouvi falar desse refrigerante Jesus, ele existe mesmo!! Outro dia uma garota do Maranhao que trabalhava aqui no meu servico estava com uma lata desse. Quando eu ia pedir a lata pra ela...outra amiga correu na frente e pediu...
rs...

Postar um comentário